Matrículas do ensino médio mantêm tendência de queda; 7,6% em cinco anos

A trajetória de redução do número de matriculados no ensino médio foi confirmada pelos dados do Censo Escolar da Educação Básica 2019. O total de estudantes caiu 3,1% em relação à pesquisa anterior, o correspondente a 7,5 milhões de estudantes. Se observado o ano de 2015, o número é 7,6% menor. O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), responsável pela pesquisa, disponibilizou as informações no seu portal.

O comportamento de diminuição do número de estudantes no nível médio envolve componentes demográficos; segue a redução da entrada de egressos do ensino fundamental (diminuição de 8,3% nas matrículas do 9º ano, entre 2014 e 2018); reflete a melhoria no fluxo escolar (taxa de aprovação no ensino médio subiu 3,1 pontos percentuais de 2014 a 2018); entre outros fatores.

Distribuição – A maioria dos matriculados (83,9%) encontra-se na rede estadual de ensino, que representa 95,9% dos alunos da rede pública. A rede privada tem 934 mil estudantes, o que equivale a uma participação de 12,5% nas matrículas. É a etapa de ensino com maior número de estudantes da rede federal de educação, porém sua participação é de apenas 3% nas matrículas do nível médio.

Localização – O ensino médio é oferecido em 28.860 escolas, que representam 16% dos estabelecimentos do país. As escolas que ofertam vagas no nível médio estão concentradas nas áreas urbanas (95%). Na zona rural, a rede pública tem 96,3% dos estudantes do ensino médio, com maior proporção de matrículas na rede federal.

Tempo integral – A oferta de matrículas no ensino médio em tempo integral tem avançado, sendo 10,8% das matrículas em 2019; há cinco anos, o número correspondia a 5,9% das vagas. Considera-se, nesse formato de coleta, o aluno que permanece sete horas ou mais em atividades escolares (a soma da duração do horário regular mais atividades complementares). É na rede pública que se encontra a maior proporção de matriculados no tempo integral, 11,7%. Nas escolas privadas, a proporção de estudantes é de 4,8% do total. De acordo com os dados do Censo Escolar 2019, no ensino médio, 4.907 estabelecimentos escolares têm matrículas em tempo integral; desses, 2.404 unidades possuem mais de 70% dos estudantes na modalidade.

Resultados – Os dados do Censo Escolar 2019 estão disponíveis em diferentes formatos, no portal do Inep. As notas estatísticas resumem os principais resultados, enquanto as sinopses estatísticas, por meio de tabelas, trazem dados desagregados por estado e município. O resumo técnico é um documento de referência geral e consulta rápida, que permite análises mais detalhadas. Também estão atualizados oito indicadores educacionais.

Censo Escolar – Pesquisa estatística que tem por objetivo oferecer um amplo diagnóstico sobre a educação básica brasileira. Coordenado pelo Inep, o Censo Escolar é realizado em regime de colaboração entre a União, os estados, o Distrito Federal e os municípios. A pesquisa é declaratória, de abrangência nacional e coleta informações de todas as escolas públicas e privadas, suas respectivas turmas, seus gestores, profissionais escolares e alunos de todas as etapas e modalidades de ensino: ensino regular, educação especial, educação de jovens e adultos e educação profissional.

Consulte os resultados do Censo Escolar 2019

 

2019.06_casaeducacao.jpg





banner escola democratica

relatorio 2014 2015 banner2

banner bienal2014 pequeno

b trajetoria



Pesquisa

Boletim Abrelivros

Digite os dados, abra o e-mail e confirme sua assinatura.

Abrelivros - Associação Brasileira de Editores e Produtores de Conteúdo e Tecnologia Educacional 
Rua Funchal, 263 - Conj. 62 - Vila Olímpia
CEP 04551-060 - São Paulo - SP - E-mail: contato@abrelivros.org.br

Midiamix Editora Digital desenvolveu esta publicação com Joomla